sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Paz na Alma

Resultado de imagem para imagens gifs de natal
A paz de alma

“O dicionário Priberam define paz-de-alma como “pessoa muito indolente, pachorrenta ou pacífica”. É o “ou pacífica” que me deita abaixo. Já não basta que, na nossa língua e cultura, ser paz-de-alma seja uma coisa negativa. São só duas das palavras mais bonitas que temos: paz e alma.

Não basta que se juntem essas duas palavras para conseguir o que qualquer pessoa (por pouco realista que seja) quer: paz de alma, paz na alma. Não. Também pode querer dizer pacífico. Simplesmente pacífico, como se isso fosse uma coisa de somenos.

No Natal algumas pessoas de certos países que, como o nosso, têm a sorte de não estarem em guerra, são mais bondosas, tolerantes e pacíficas. Saltam-lhes logo em cima os apologistas do óbvio, com ocos lamentos que seguem sempre a mesma entediante lenga-lenga: “é pena que não seja assim durante todo o ano, blá blá blá, rebanho de hipócritas, beneméritos de calendário, blá blá blá…” 

Com cada ano que passa nota-se menos esta atmosfera natalícia de paz e boa vontade. Se calhar houve muita gente que desistiu depois de tantas décadas a levar no coco por ser marcadamente menos generoso nos dias 24 e 25 de todos os meses do que hoje e amanhã. Se assim for, parabéns aos moralistas de ocasião - esses críticos devastadores do consumismo que se vêem nos shoppings a deitar fumo pela cabeça só porque os comerciantes conseguem vender mais umas camisolas.

Haja paz na alma de quem a possa ter. Nem que seja durante uma só noite. Nem que seja só por preguiça. Um bom Natal!"

*Miguel Esteves Cardoso

28 comentários:

Til disse...

Bom Natal:(
Isso de paz na alma lembra-me um pouco o descanso eterno...
Beijinhos*

Tipo atento disse...

Mais uma do MEC...

Legionário disse...


Essa foi boa Til;)

E Tipo atento, realmente foi mais uma do MEC o qual agora já ficou registado no Post e do qual este seu texto faço minhas as suas palavras, é que sabes o que vale são as boas intenções...e deixar comentários de jeito por estes lados também.

E mais ainda caro amigo...quando nos recordamos dos "Natais passados", na maioria das vezes descobrimos que são as coisas mais simples - não as grandes ocasiões - que nos oferecem os maiores momentos de felicidade.

vizinha do 1º Dt disse...

Merry Christmas and a Happy New Year.

frei Vareta disse...

agora toca a queimar as calorias do Natal, com prazer hehehe

Wake Me Up Before You Go Go disse...

e faleceu no dia 25 de Natal em casa, o cantor George Michael (1963-2016) vitima de falha cardíaca...

Arturinho das moscas disse...

Este ano de 2016 foi funesto para alguns cantores.

Legionário disse...

E como de costume começam a multiplicar-se as mensagens de Ano Novo, tudo com muitas promessas e desejos...dos quais durante o ano 2017 para muitos essas palavras, ficam todas na gaveta.:(

Imprópriaparaconsumo disse...

Essa paz na alma deveria durar o ano todo :)
Boas festas Legionário

Legionário disse...

Tem toda a razão Imprópria:)

Marquês de Pombal disse...

Só sei que está um frio de gelar os tilins!

Fiscal da meteoroloxía disse...

Temp. mín. en Braga:

Onte: -2,3
Hoxe: -1,9

Vai frío, non sí?

Flor do Vouga disse...

Tá bom para beber umas bebidas quentes aqui no tasco.

Vermelhinho disse...

Ò Chefe sirva ali mais uma taça aquele moço das baterias!

Azulinho disse...

..e já agora um Moscatel para aquele freguês dos Armazéns dos Primeiros.

lugar lotado disse...

Alma tranquila. Paz e luz na alma é vago, digo eu! Que seja tranquila a nossa alma, define quanto a mim um estado pleno, agradável.

Legionário, retribuo as boas festas. E o que podemos dizer de "boas as festas".

beijinho

Legionário disse...

Sim Ll, "boas as festas".:)


Fiscal da meteoroloxía disse...

Hoxe máis unha mínima baixo cero en Braga: -1,0.
Polo menos ata o domingo imos ter mínimas negativas.

Fiscal disse...

Vai estar bom para os que vão passar a passagem de ano na rua.

Marquês de Pombal disse...

Fosca-se...ainda anda muita gente de férias, e não estou a falar da estudantada!

Arturinho das moscas disse...

Nesta semana entre o Natal e o Ano Novo só os escravos do costume é que trabalham. A populaça anda de férias; gastam o que não têm e ainda se queixam da crise.

tipo + atento disse...

...e depois nem dinheiro têm para os saldos hehehehe

Tipo que sabe disse...

Povinho de merda...

Capitão Meireles disse...

Quatro mudanças na carta de condução a partir de Janeiro:

Os condutores vão deixar, já a partir da próxima semana, de ter de alterar a carta de condução quando mudam de casa. É uma das quatro mudanças anunciadas esta quinta-feira.

O projecto "carta sobre rodas" está integrado no programa Simplex, apresentado pelo Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) na tarde desta quinta-feira. Uma das mudanças às regras na emissão de títulos de condução é a retirada da morada da carta de condução, passando a constar apenas na base de dados do IMT. Hoje, a morada consta da carta de condução.

Outra mudança é a possibilidade de renovar ou substituir a carta de condução através da internet. Quem for a um balcão do IMT paga 30 euros; quem o fizer pela internet, pagará 27 euros, um desconto de 10%.

A terceira maior mudança às regras tem a ver com os prazos. Quem tem até 60 anos de idade, só terá de revalidar a carta de 15 em 15 anos, e não de dez em dez, como até agora. Os prazos mantêm-se iguais para quem tem mais de 60 anos de idade.

Todas estas medidas entram em vigor na próxima semana. Em abril, será a vez dos atestados médicos, que passam a ser transmitidos eletronicamente pelo Ministério da Saúde ao IMT. Assim, a avaliação feita por um médico ao condutor e as eventuais restrições que venha a impor serão automaticamente registadas.

Acabam as situações como a denunciada pelo JN, em que as escolas de condução arranjavam atestados médicos em branco para que os clientes preenchessem, sem que alguma vez fossem vistos por um clínico. O atestado passa a ser apenas necessário para a revalidação a partir dos 60 anos.

Fiscal disse...

Não admira que devido a esses "atestados em branco" andem nas nossas estradas muitos(as) Mr(s). Magoo.:))

Legionário disse...

A meteorologia tem sido boa nestes últimos dias do ano por estes lados. O sol mostra-nos o que o Inverno costuma tapar e nós ficamos embasbacados a olhar para as paisagens que pensávamos conhecer mas nunca vimos assim, no fim de Dezembro, resplandecentes porque novas pela primeira vez.

Afinal é fácil viajar no tempo. Onde estamos? Nascem flores brancas e amarelas
também os pássaros andam atónitos de tão gordos, pesando nos ramos e tropeçando nos caracóis. Os melros, mais desconfiados, são os únicos que não pensam que já chegou a primavera. Pobres diabos.

“Dia 2 falamos” ameaçam os trovões meteorológicos, deixando tudo raivosamente para o ano que vem, que, com este céu azul-obstinado, ainda parece longínquo. Aceitamos este terrível negócio, entregando o futuro às chuvas, como se pudéssemos alguma vez ser tidos e achados.

Acabar em beleza é o mínimo que este ano velho pode fazer. O território português parece ter sido escolhido a dedo para termos sempre para onde nos virarmos. Nem que seja só com os olhos.

Boas saídas e melhores entradas para 2017, para todos os presentes e ausentes também.:)

Tipo atento disse...

Outra do MEC?

Legionário disse...

Dois bons princípios de vida: a nossa indiferença e paz perante o que pensam acerca de nós; e, a tranquilidade de nunca termos de julgar ninguém,